Home Office: 14 Hábitos para Melhorar Foco e Produtividade

O ano de 2020 fez com que o trabalho home office se tornasse a realidade de grande parte dos brasileiros, mas como percebemos, essa forma de trabalho não traz só benefícios e hoje vamos tratar de um de seus desafios: o foco!

 

Desafio: Home Office na Pandemia

 

Primeiro, vamos entender que essa fase pandêmica não reflete o que deveria ser o trabalho remoto ou o home office, pois inclui muitas outras adversidades que em outros momentos não teríamos e impossibilita a maioria das vantagens de trabalhar fora do escritório.

 

Alguém que trabalhava home office até março de 2020, tinha a liberdade de decidir trabalhar em um coworking ou um café, por exemplo, sem o receio de que isso trouxesse algum risco à saúde, flexibilizando sua rotina e seu espaço de trabalho quando sentisse a necessidade de sair um pouco de casa.

 

Com o tempo ganho por não precisar se deslocar até o local de trabalho, era possível conciliar atividades físicas, vida noturna, visitar amigos e família, praticar esportes e outras várias distrações que fizessem seu dia a dia ser mais leve e produtivo. A pandemia fez com que a maioria das vantagens deixassem de existir, criando uma rotina que trabalhando ou não, não é indicado que você ou seus familiares saiam de casa. 

 

Essa nova “fase” do home office pode ser cansativa, com a presença das crianças em tempo integral, da gestão de tempo entre trabalho e estudo remoto ou a dificuldade de se desligar quando for o fim do expediente e fazer algo que goste. Tudo isso pode causar um desgaste e aumentar a sensação de perda de foco e improdutividade. 

 

Como Melhorar o Foco no Home Office

 

Se você também está com essa sensação, esse post pode te ajudar a melhorar seu foco trabalhando home office com 14 hábitos que devem fazer parte do seu dia a dia.

 

1. Organize seu espaço de trabalho

Independente do espaço, seja um escritório amplo e cheio de conforto ou uma pequena estação fixa, a organização deve estar em dia.

Mas vamos voltar um pouco! Antes de tratar sobre a organização, vamos combinar de definir um lugar para o trabalho home office, ok?! Pense que assim como sua cama é reservada para seu descanso, seu espaço de trabalho deve estar reservado para trabalhar. 

Voltando a organização… não deixe acumular itens desnecessários no local, pois a poluição visual de sua mesa, vai criar uma sensação constante de desorganização no seu dia. 

Outro momento que vai exigir disciplina, principalmente em dias mais frios, é não levar o notebook para a cama ou sofá. Pode até parecer mais confortável no começo, mas o tempo vai mostrar o estrago que pode trazer para sua postura e ergonomia, além de aumentar a chance do seu foco ser muito maior para a Netflix transmitida na TV, do que para as atividades pendentes do trabalho. 

 

2. Evite acessar redes sociais

Aquele tempinho salvando ideias no Pinterest, receitas que nunca vai fazer do Facebook ou stories das Maldivas, com blogueiros sem boletos vencidos, caso não trabalhe com redes sociais, será a perdição para seu rendimento durante o dia. Uma olhadinha rápida no feed do Instagram, pode se transformar em 15 minutos perdidos. 

Se você acha essa parte muito complicada, tente utilizar o app Stay Focus, que limita a quantidade de tempo que você pode gastar com cada aplicativo por dia em seu celular ou se quiser ser mais radical, instale a extensão do Google Chrome e defina o tempo que pode usar por dia naquele site. No fim do tempo estabelecido, o site fica bloqueado até o próximo dia.

Depois do seu horário de trabalho, não faz mal passar algum tempo navegando pelas redes, mas como uma dica muito mais de bem-estar do que de trabalho: não se engane com a vida de filtros das redes sociais! Ninguém é totalmente feliz ou bonito como posta, então não use essa régua para medir sua vida. Tudo bem não estar bem, não ter a casa mais decorada, a pele mais lisa e o melhor humor depois de mais de um ano em isolamento social. 

Se sentir que o uso das redes sociais está te desmotivando, faça uma limpeza no seu conteúdo e tente usar menos tempo por dia, gastando esse tempo com algo que te faça bem de verdade, como fazer um exercício em casa ou ver um desenho animado comendo pipoca (clube dos adultos que adoram ver desenhos, mesmo sem a presença de crianças), enfim, tudo é válido desde que te faça realmente bem.

 

3. Troque de Roupa

É tentador usar pijamas o dia todo, mas cuidado para isso não virar um hábito. Esse momento de trocar de roupa, tomar banho e se arrumar para iniciar as atividades do trabalho, entram como uma rotina, algo que seu cérebro entende como “o momento de trabalhar”, saindo do momento de descanso e ajudando a ter mais foco.

Não precisa necessariamente vestir um terno ou fazer uma maquiagem produzida, uma roupa casual e confortável já serve para sua mentalidade e para as reuniões.

 

4. Não deixe a procrastinação te vencer

Se você tinha dificuldades em não procrastinar no escritório, tenho uma notícia difícil de contar: em casa é muito pior! Por isso, sua disciplina deve ser redobrada, pois o que não falta em casa são distrações para aumentar o tempo das tarefas que você quer deixar pra depois.

O cachorro vai fazer algo fofo, a criança vai te chamar para brincar, alguma notícia interessante vai passar na TV, fofoca de família, enfim, tudo acontece, mas você deve se manter forte no horário de trabalho, pois se deixar algo para fazer muito próximo ao prazo, algum imprevisto pode acontecer, causando estresse e talvez até gerando consequências graves para sua equipe.

 

5. Não é hora de limpar a casa

Sabe quando vem aquela vontade de estender roupa, pois o sol apareceu e vai secar mais rápido? Se você estiver em horário de trabalho, faça ela sumir! 

Misturar os afazeres domésticos com as tarefas da empresa, atrapalham seu fluxo de trabalho, tirando seu foco do que realmente deveria estar. 

Separe um tempo para essas atividades, fora do horário comercial. 

 

6. Planeje em uma agenda

Após 30 minutos de uma reunião com a definição de demandas, quantas você ainda lembra que deve fazer com os detalhes e prazos combinados? Vou responder com base na minha péssima memória: talvez eu lembre da mais comentada, mas é certeza que alguma será esquecida se eu não anotar em um bloco de notas. 

Se você também tem essa dificuldade, crie uma agenda, física ou digital, com suas atividades, prazos, detalhes e faça sua rotina ser mais organizada.

O uso da ferramenta Trello ou de anotações na agenda do Google, podem ser boas alternativas.

Também é bacana que você observe e entenda quais são seus picos de energia, em qual momento está mais criativo, focado ou analítico e separe as tarefas por esses períodos. 

 

7. Use e abuse das automações

A tecnologia nos dá a oportunidade de automatizar muitas tarefas, economizando o precioso tempo. 

Você pode, por exemplo, criar regras para para filtrar emails sem importância durante o horário comercial ou definir toques diferentes para o celular, identificando quais deve atender. 

Aqui temos inúmeras possibilidades, mas vamos listar as mais importantes e deixar essa parte como uma lista colaborativa, então se souber alguma automação bacana que otimiza tempo, deixe nos comentários ou mande nas redes sociais, que acrescentamos no texto para ajudar mais pessoas 🙂

 

Automações do dia a dia:

 

  • Software que revisa e encontra erros no seu código ou conteúdo;
  • Alertas para tarefas e compromissos importantes; 
  • Configuração de faturamento automático do cliente;
  • Agende e-mails e postagens de mídias sociais;
  • Modelo de respostas no Gmail com padronização de emails que você envia com frequência (busque por respostas predeterminadas);
  • Automações nativas do telefone, como ativar ou desativar notificações de apps específicos (como redes sociais) em determinados horários do dia (horário de trabalho). Aqui temos tutoriais para Android ou IOS.

 

8. Encontre seu local perfeito

Pode ser em casa, em uma livraria, café, coworking ou qualquer outro lugar que te ajude a ficar mais concentrado e produtivo. Na situação de home office em tempo integral, teste diferentes ambientes da sua casa (se for possível) e estabeleça sua área de trabalho ali. 

 

9. Delimite tempo

O equilíbrio entre vida pessoal e profissional, é um dos pontos mais fortes para manter seu foco durante o período de trabalho. 

É muito comum o pensamento que home office te proporciona mais tempo para trabalhar, mas não é assim que deve agir, pois extrapolar a carga horária começa a deixar a sensação que o trabalho nunca acaba e que a todo momento você deve produzir, criando a falsa percepção de improdutividade. 

Delimite na sua rotina horário para começar, almoçar, voltar do almoço e desligar o computador. Mesmo que em raros dias, por situações excepcionais você precise estender o horário, tente ser o mais metódico possível com a rotina, prometo que com o tempo isso fará muita diferença no seu cansaço emocional. 

Se achar necessário, crie um ritual entre o fim de um e início de outro. Eu por exemplo, arrumo minha mesa de trabalho, carrego minha garrafinha d’água e ligo o computador, quando é o fim do expediente, tomo banho e meu corpo entende que é hora de relaxar. 

Lembre-se que mesmo que ame seu trabalho (torço para que ame), ainda é um trabalho e sua vida pessoal está acima disso. Separe um tempo para você após o expediente, ligue para um amigo, estude, se exercite, veja uma série, faça algo que goste e te desconecte das obrigações de um profissional.

 

10. Tenha intervalos 

O mundo paralelo de um dia de trabalho em home office, muitas vezes faz o dia passar sem que a gente nem perceba que já acabou, então é importante respeitar as pausas, como o horário do almoço. É contraproducente trabalhar por várias horas seguidas sem intervalos, o cérebro precisa de descanso e sem isso, você fica exausto fisicamente e mentalmente muito rápido.

 

13. Não negligencie suas férias

Se você trabalha como PJ, provavelmente não tem férias remuneradas e essa questão pode ser tentadora para adiar esse momento, mas entenda que uma pausa é realmente importante, então se planeje e tire férias. 

Mesmo que não seja um mês completo, você precisa de um intervalo de pelo menos 15 dias para se desligar e descansar a mente. Quando voltar, vai se sentir mais motivado e focado.

 

14. Observe seu dia a dia

Pode até levar um tempo para se adaptar nessa forma de trabalho, mas o home office tem muito potencial para ser bacana, proporcionando muito mais conforto e liberdade no dia a dia. Claro que muito mais quando a pandemia passar, mas esse momento extremo pode te ajudar a lidar com leveza as adversidades quando for apenas home office por opção. 

Então preste atenção ao seu organismo, como sua produtividade funciona, se ouvir música te ajuda a focar, por exemplo, quais horários tem mais disposição, quais lugares, como prefere iniciar o dia e adapte sua rotina ao que faz bem a sua produtividade e ao seu bem-estar. Enfrentamos dias difíceis pela situação mundial e tudo bem não estar focado todos os dias, não se cobre tanto, mas tente melhorar a cada dia, respeitando seus limites e suas tarefas.

Logo estaremos em outra realidade, outras rotinas e todos os obstáculos do trabalho nesse momento, será aprendizado para os desafios futuros, que esperamos ser mais leves.

 

Se você trabalha com Recrutamento e Seleção, já sabe que as fases de um processo seletivo desorganizado podem bagunçar toda sua rotina e usar mais tempo do que deveria, diminuindo seu tempo para realizar outras tarefas. Se quer melhorar seu fluxo de trabalho e contratar talentos que combinam com sua empresa, diminuindo o turnover e aumentando  a assertividade das contratações, clique aqui para conhecer a EduJob com 3 vagas gratuitas.

Read More